Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Presidente do ICMBio pede exoneração

Equipe BR Político

Por “motivos pessoais”, o presidente do ICMBio, Adalberto Eberhard, pediu exoneração do cargo nesta segunda-feira, 15. Há dois dias, Salles participou de um evento, ao lado de Eberhard e de ruralista do Rio Grande do Sul, em que o titular do ministério ameaçou investigar servidores do instituto que não participaram da agenda, segundo a revista Veja. “Na presença do ministro e do presidente do ICMBio não há nenhum funcionário, embora tenham me recebido em Mostardas. Determino a abertura de processo administrativo disciplinar contra todos os funcionários. É um desrespeito com a figura do ministro e do presidente do ICMBio e com o povo do Rio Grande do Sul. O momento de perseguição de pessoas de bem desse país acabou. Foi com a eleição do nosso presidente Jair Bolsonaro”, disse no encontro.

Salles havia imposto uma lei do silêncio à instituição, bem como a outros órgãos ligados à pasta do Meio Ambiente desde meados de março, conforme informou o Estadão.

Tudo o que sabemos sobre:

ICMBioRicardo Salles