Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Presidente do Inep diz que Enem pode ser adiado

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

Um dia após o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), pedir a Jair Bolsonaro para adiar o Enem, o presidente do Inep, Alexandre Lopes, admitiu a possibilidade. Em transmissão nas redes sociais, Lopes falou sobre que há uma chance da prova mudar de data, mas falou que ainda é “prematuro” o debate. “A questão da data pode ser modificada, mas asseguramos que o Enem vai ser realizado. Para aplicá-lo em novembro era preciso publicar um edital e a partir daí fazer os processos administrativos. Com tudo pronto podemos discutir a mudança da data”, afirmou.

O presidente do Inep, Alexandre Lopes

O presidente do Inep, Alexandre Lopes Foto: Reprodução/TV BrasilGov

Lopes também falou em “revisar o quantitativo de vagas nas suas políticas de cotas” como forma de combater as desigualdades entre o sistema público e privado de ensino. “O Enem é a mesma prova para todos, mas existem outros mecanismos que podem tentar ajudar a reconhecer e superar essa desigualdade”, afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:

Alexandre LopesInepEnemadiamento