Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Presídios paulistas têm rebeliões após medidas de controle ao covid-19

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

As determinações visando impedir que o coronavírus se alastre pelo sistema carcerário paulista provocaram rebeliões nesta segunda-feira, 16. Ao menos três presídios registraram fuga: Mongaguá, Mirandópolis e Taubaté. A situação é pior em Mongaguá, cidade do litoral paulista, do qual teriam fugido 400 presos segundo a Polícia Militar e em Mirandópolis, no interior do Estado que contabilizou 926 fugas.  Prisões em Tremembé e Porto Feliz também registraram rebeliões, mas não há por enquanto informações de fugas. O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou a suspensão de visitas e restrições a entrada de pessoas por causa da pandemia de coronavírus.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

Presídiosrebeliõescoronavírus