Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Príncipe vai com ‘falcões’ em caso de conflito

Equipe BR Político

Enquanto o governo reforça de que não há hipótese de conflito armado e que o exército brasileiro não entrará em solo venezuelano, outros aliados do presidente Jair Bolsonaro têm uma visão diferente da situação. O deputado Luiz Philippe de Orleans e Bragança, que chegou a ser cotado como possível vice na chapa presidencial do PSL nas eleições do ano passado, disse que, caso “o conflito escalar ao ponto de exigir aprovação parlamentar para qualquer ação”, ele votará com os “falcões” contra os “pombos da paz”.

“Não surpreende que tenhamos uma situação na fronteira com a Venezuela que pode escalar para se tornar um conflito bélico. Em países que tem engajamentos bélicos frequentes, políticos e sociedade se dividem nitidamente entre os ‘falcões’ e os ‘pombos da paz’. Se o conflito escalar ao ponto de exigir aprovação parlamentar para qualquer ação já adianto que votarei de acordo com a futura turma dos ‘falcões'”, afirmou.