Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Prioridade para Força Nacional

Equipe BR Político

Gastos em ações emergenciais, aqueles em que a Força Nacional de Segurança é acionada têm sido a prioridade de investimento do governo federal nos últimos anos. A tropa, que é composta por policiais cedidos pelos Estados, tem consumido mais da metade do Fundo Nacional de Segurança Pública, reserva de recursos que a União pode destinar a ações em Estados e municípios, segundo o Estadão.

Dados de 2016 e 2017 do Instituto Sou da Paz mostram que a principal ação federal tem sido manter o funcionamento dessa tropa, em detrimento de outras ações para fomentar políticas mais robustas de combate à criminalidade. A Força Nacional recebeu 53% dos valores empenhados pelo fundo de segurança, enquanto ações para reaparelhamento e modernização ficaram com 33,2%. Sistemas de tecnologia recebeu 10,7% e formação e valorização profissional ficou com 2,9%.