Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Procuradores questionam ‘investigação’ de Toffoli

Equipe BR Político

Procuradores da República se manifestaram contra a decisão de Dias Toffoli de abrir um inquérito para investigar ataques contra ministros do Supremo. Bruno Calabrich classificou como “preocupante” a decisão do presidente do STF. “De muitas, duas questões: (a) foro por prerrogativa de função é definido pelo agente, não pela vítima; (b) investigação pelo judiciário é inconstitucional (violação ao princípio acusatório), escreveu.

Outro procurador que criticou Toffoli foi o polêmico Ailton Benedito, procurador-chefe da República em Goiás. “Inquérito no STF? Onde há previsão legal para isso? Ao final do inquérito, o STF vai oferecer denúncia? Depois de oferecer denúncia, vai finalmente julgar?”, questionou.