Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Propaganda antecipada gera processos

Equipe BR Político

Os processos eleitorais por propaganda antecipada no Ministério Público Eleitoral envolvem presidenciáveis, pré-candidato a governador, senadores e deputados de vários partidos. Dos materiais sob análise da Justiça Eleitoral, há aqueles em benefício de Jair Bolsonaro, Lula e João Doria, além de outros que envolvem Lindbergh Farias e Tiririca.

“Para o MP Eleitoral, a vedação legal à propaganda antecipada não pode estar restrita à frase explícita ‘peço seu voto'”, afirma o procurador regional José Jairo Gomes

Tudo o que sabemos sobre:

propaganda antecipadaMPE