Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

PSDB pode sofrer debandada

Vera Magalhães

Antonio Anastasia (MG) não é o único nome de peso a cogitar deixar o PSDB. Ainda no Senado, Tasso Jereissati (CE), outro peso-pesado, também avalia o caminho de saída. Na raiz da insatisfação estão, de um lado, a permanência de figuras como Aécio Neves, que promete lutar contra as tentativas de forçá-lo a se afastar ou de expulsá-lo, e divergências quanto aos rumos que João Doria Jr. quer imprimir ao partido, deslocando-o para a centro-direita.

Quem se movimenta para atrair os descontentes é Gilberto Kassab, que tenta blindar seu PSD contra a fusão PSDB-DEM. Apesar de ter estado próximo de Doria (de quem é, em tese, secretário licenciado), o ex-prefeito de São Paulo vê o movimento de fusão como uma ameaça à existência de seu partido e uma tentativa de levá-lo à força para uma superlegenda vinculada ao projeto presidencial de Doria em 2022. / V.M.