Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

PSL repudia ato de Bolsonaro: ‘Por isso que não está mais no partido’

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

A participação de Jair Bolsonaro em ato que pedia intervenção militar foi criticado até mesmo pelo ex-partido do presidente da República, o PSL. Em nota, a legenda disse que por atitudes como a deste domingo é que Bolsonaro não faz mais parte da sigla. “O PSL repudia atos antidemocráticos, motivo pelo qual Jair Bolsonaro  não faz mais parte do PSL”, afirmam. O Twitter do partido traz ainda uma carta assinada pelo atual ocupante do Palácio do Planalto promete “preservar as instituições e proteger o Estado de Direito”. “Quem defende o AI-5 e o fechamento do Congresso não comunga dos nossos valores.”

Tudo o que sabemos sobre:

PSLJair Bolsonarointervenção militar