Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Psol cobra Doria sobre ‘monitoramento da PM’

Equipe BR Político

O presidente nacional do Psol, Juliano Medeiros, relatou que a Polícia Militar de São Paulo entrou em uma plenária de mulheres do partido, neste sábado, 3, pedindo que as filiadas apresentassem documentos de identificação. O evento estaria supostamente sendo “monitorado pela PM”. Ele disse ainda que a sigla vai cobrar uma explicação sobre o caso ao governador João Doria (PSDB).

“Esse gesto de intimidação é inaceitável. Não estamos mais na Ditadura Militar, quando o direito de reunião podia ser coibido. Vamos acionar todas as autoridades contra esse absurdo. Chega!”, escreveu Juliano em sua conta no Twitter.