Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

PT aciona órgãos de controle contra vídeo pró-ditadura

Equipe BR Político

As bancadas do PT na Câmara e no Senado entraram com representações na Procuradoria-Geral da República, na Controladoria Geral da União e na Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão nesta segunda, 1, pedindo investigação sobre as circunstâncias de produção do vídeo em defesa da ditadura de 1964 divulgado pela Secretaria de Comunicação do governo federal no domingo, 31. Os parlamentares também representaram contra o deputado Eduardo Bolsonaro na Comissão de Ética da Câmara por ele ter publicado o material em seu perfil de rede social.

O pedido do PT diz que o vídeo distorce a história e “viola a memória de toda a sociedade”. O partido pede a instauração de sindicância investigativa na CGU e cobram a identificação dos servidores envolvidos no caso. À PGR, as bancadas do PT pediram a investigação dos fatos e de violações sob a acusação de crime de responsabilidade, informam Luci Ribeiro, Julia Lindner e Renato Onofre, do Estadão.

Tudo o que sabemos sobre:

DitaduraEduardo Bolsonaro