Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Publicidade para o pacote anticrime

Equipe BR Político

Ainda sem estar com a tramitação engatada no Congresso, o pacote anticrime do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, ganhou uma campanha publicitária lançada na manhã desta quinta-feira, 3, no Planalto.

Com slogan “A lei tem que estar acima da impunidade”, as propagandas contam com vídeos e áudios que retratam histórias reais de vítimas de violência e, então, mostram as medidas do governo para ajudar a combater os crimes. Entre as ações estão o fim da “saidinha” e a prisão após condenação em segunda instância.

Moro definiu as medidas propostas no pacote como “aspirações da sociedade”. Segundo ele, elas têm o potencial de acabar com a percepção de que vivemos “em uma terra sem lei e sem justiça”.

Entregue ao Congresso em fevereiro, atualmente, o projeto está na Câmara com um grupo de trabalho que analisa também a proposta apresentada por Alexandre de Moraes quando era ministro da Justiça. A expectativa de Moro é de que “agora que a Previdência foi aprovada, há chance de aprofundar o debate sobre o pacote anticrime”.