Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Pedágio cai por descumprimento de concessionárias

Equipe BR Político

O presidente Jair Bolsonaro tem fixação pelos pardais das rodovias federais, mas fala pouco sobre o descumprimento das concessionárias na execução de obras exigidas por contrato, o que tem barateado o preço dos pedágios, conforme informa o Valor. A Rodovia do Aço (RJ) e a Eco 101 (ES) reduziram o valor deles em 12%. Segundo o Tribunal de Contas da União, as concessionárias têm deixado de executar intervenções obrigatórias no valor de R$ 20 bilhões, acrescenta a publicação. Com 21 vítimas fatais em 2017, número recorde entre as rodovias federais, a BR-101 na altura do município de Guaraparari, operada pela Ecorodovias, deveria ter sido duplicada em maio deste ano. A empresa alega atraso no licenciamento ambiental.

Movimento na rodovia federal Dutra em feriado

Rodovia federal Dutra. Foto: Tiago Queiroz/Estadão

Sem crédito no mercado e com problemas financeiros, concessionárias de rodovias e aeroportos acumulam uma dívida de quase R$ 6 bilhões com bancos públicos, especialmente com o BNDES, conforme informou o Estadão em abril. Esse montante representa quase 90% da dívida de quatro concessionárias (Viracopos, Via-040, Rota do Oeste e Concebra) em dificuldades

Tudo o que sabemos sobre:

pedágioTCUrodovia federal