Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Queimadas aumentam apesar de proibição do governo

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Mesmo com o governo proibindo a realização de queimadas no País por 120 dias, a medida não têm provocado efeito até agora. A região do Pantanal, por exemplo, tem sofrido o maior número de queimadas em julho nos últimos dez anos. A ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva lembra que não será somente com o decreto que o governo conseguirá reverter esse tipo de problema.

“O governo decretou a proibição das queimadas em todo o Brasil por 120 dias. Em chamas, o Pantanal enfrenta o pior mês de julho em uma década. Em um ano, as queimadas tiveram um aumento de 382%. Não será apenas por meio de um decreto que o governo conseguirá conter as ações criminosas apontadas como uma das responsáveis por esse aumento”, disse.

“Além disso, há sinais de que o aumento dos focos de incêndio no Pantanal estejam relacionados com o desmatamento da Amazônia. A Amazônia tem um papel fundamental na regulação do regime de chuvas de outras regiões do país”, lembrou.

Tudo o que sabemos sobre:

Marina Silva