Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Queiroz recebeu auxílio-educação irregularmente

Equipe BR Político

Mais uma polêmica envolvendo o ex-assessor de Flavio Bolsonaro, Fabrício Queiroz. Dessa vez, a revelação é de que Queiroz recebeu irregularmente da Alerj R$ 16,8 mil como auxílio-educação para uma das filhas entre 2007 e 2011. O valor foi benefício foi recebido para a personal trainer Nathália de Melo Queiroz, que não tinha direito ao valor porque, na época, também trabalhava Alerj. De acordo com as regras, a verba só pode ser concedida para dependentes que não estejam empregados.

A Assembleia confirmou que Fabrício Queiroz recebeu os valores irregulares em três períodos. De acordo com a Assembleia, o ex-assessor devolveu os valores em 36 parcelas.As informações são do portal G1 e foram confirmadas pelo Estadão.