Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ramos usa 2018 para rebater derrota bolsonarista em 2020

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Um dia após um dos principais representantes da tal ala ideológica do governo federal, Filipe Martins, apontar uma renovação da esquerda a partir de resultados das eleições municipais de domingo, 15, além de sugerir um mea-culpa da extrema-direita, o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, voltou a reforçar nesta terça, 17, que as análises estão “equivocadas”.

Ontem ele já o fizera, dizendo que a esquerda saiu derrotada e os partidos “aliados às pautas e ideias do governo Bolsonaro” foram vitoriosos. O mentor intelectual dos extremistas do Palácio do Planalto, Olavo de Carvalho, afirmara também, no mesmo dia, que o culpado pela derrota de aliados do presidente no pleito é Jair Bolsonaro.

O mesmo discurso de minimizar a derrota do conservadorismo e da negação da política fizeram Bolsonaro e seu filho Carlos, mas dos 13 prefeitos e 45 candidatos a vereador apoiados pelo presidente, apenas dois prefeitos foram para o segundo turno, dois foram eleitos e sete vereadores foram eleitos.

Candidatos a vereador apoiados por Bolsonaro:

ELEITOS

  • Carlos Bolsonaro (Republicanos) – Rio de Janeiro
  • Nikolas Ferreira (PRTB) – Belo Horizonte
  • Pastor Júnior (Podemos) – Recife
  • Marco Aurélio Filho (PRTB) – Recife
  • Aleluia (DEM) – Salvador
  • Paulo Chuchu (PRTB) – São Bernardo do Campo
  • Jessicão (PP) – Londrina

NÃO ELEITOS

  • Wal do Açaí (Wal Bolsonaro) (Republicanos) – Angra dos Reis
  • Sonaira Fernandes  (Republicanos) – São Paulo
  • Clau de Luca  (PRTB) – São Paulo
  • Deilson Bolsonaro (Republicanos) – Boa Vista
  • Cely Duarte (Podemos) – Fortaleza
  • Alex Ceará (PSC) – Fortaleza
  • Capitão Araújo Lima (PP) – Aracaju
  • Rubenita Lessa (PSL) – Teresina
  • Marília Ferraz (PRTB) – Recife
  • Osvaldo Neto (PSC) – Recife
  • Coronel Meira (PSC) – Recife
  • Nelson Monteiro (PSC) – Recife
  • Cabo Silveira (Patriota) – Campo Grande
  • Inspetor Alberto (PROS) – Fortaleza
  • Michele Assis (Patriota) – João Pessoa
  • Alisson Novaes (Patriota) – João Pessoa
  • Nayana Pontes (DEM) – Campina Grande
  • Coronel Márcio Saraiva (DEM) – Campina Grande
  • Cabo Emanuel Diniz (DEM) – Campina Grande
  • Alessandro (PRTB) – Olinda
  • Paula Milani (PMB) – Curitiba
  • Coronel Kelson (Patriota) – João Pessoa
  • Gilvan (DEM) – Campina Grande
  • Thiago (DEM) – Campina Grande
  • Solange Lopes (Patriota) – Dourados
  • Luiz Costa (Solidariedade) – Queimados
  • Marcelo Conrado (PRTB) – Goiânia
  • Vigilante Assumar (Republicanos) – Goiânia
  • Rodolfo Souza (PSL) – Goiânia
  • Devanir Novellino (PRTB) – Cidade Ocidental
  • Taciana Muniz (Patriota) – João Pessoa
  • Jeová Junior (PSL) – Sobral
  • Fábio Ferreira (Republicanos) – Nova Iguaçu
  • Aderbal Poroca (DEM) – Paulista
  • Edilane Mansueto (DEM) – Campo Grande
  • Guilherme Paz (DEM) – Garanhuns
  • Adilson Bolsonaro (PSD) – Santa Cruz do Capibaribe
  • Abimael Santos (PP) – Toritama

Candidatos a prefeito apoiados por Bolsonaro

SEGUNDO TURNO

  • Marcelo Crivella (Republicanos) – Rio de Janeiro
  • Capitão Wagner (PROS) – Fortaleza

ELEITOS

  • Gustavo Nunes (PSL) – Ipatinga
  • Mão Santa (DEM) – Parnaiba

NÃO ELEITOS

  • Celson Russomanno (Republicanos) – São Paulo
  • Bruno Engler (PRTB) – Belo Horizonte
  • Delegada Patrícia (Podemos) – Recife
  • Coronel Menezes (Patriota) – Manaus
  • Oscar Rodrigues (MDB) – Sobral
  • Júlia Zanatta (PL) – Criciúma
  • Doutor Serginho (Republicanos) – Cabo Frio
  • Morgana Macena (MDB) – Cabedelo

Tudo o que sabemos sobre:

Luiz Eduardo Ramoseleições