Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Rebelião de procuradores à vista?

Equipe BR Político

A possibilidade de mudanças no Coaf e na Receita Federal, além de uma possível escolha pouco ortodoxa para a Procuradoria-Geral da República pode gerar um cenário de “caos” na PGR. Já há conversas em grupos internos tratando de possíveis “reações”. Procuradores sinalizaram ao Painel da Folha que, caso Jair Bolsonaro escolha Antonio Carlos Simão Soares para substituir Raquel Dodge, poderá gerar uma situação na qual “caos será pouco para descrever o que será da Procuradoria”. Já um ex-juiz federal disse à reportagem que o cenário será de “ingovernabilidade com diversos grupos se digladiando diante de um procurador-geral sem um mínimo de autoridade”.

Tudo o que sabemos sobre:

PGRJair Bolsonaro