Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Recuperação não veio em 2019, ‘mas virá’, torce economista

Equipe BR Político

O setor de seguros tem uma batalha árdua pela frente, a julgar pelos números apresentados pelo presidente da Bradesco Seguros, Vinicius Albernaz, ao Globo. Na área de seguros automotivos, diz, “que é o de maior uso no país, perto de apenas 30% da frota de automóveis são segurados”. Com relação a Previdência privada, “menos de 10% da população economicamente ativa no país” tem plano dessa natureza. Albernaz deposita esperanças na recuperação da economia, “que virá”. “Tenho uma estimativa bastante positiva para o futuro, apesar de a recuperação econômica, de fato, ter sido adiada, não tendo vindo no início de 2019, como se acreditava. Mas ela virá. As condições já postas são positivas: as reformas estão acontecendo. Por trás do ruído político, a reforma da Previdência está se concretizando, há concessões já anunciadas e previsão de captação de novos investimentos na área de infraestrutura. A gente não pode esquecer que há um ambiente global mais desafiador. Mas temos capacidade de resiliência e o percurso de melhora está dado”, afirmou.

Assine o BR Político para ter acesso a produtos e informações exclusivos. Clique neste link para se tornar um assinante.

Tudo o que sabemos sobre:

segurosprevidência