Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Nesta segunda, Previdência dá mais um passo

Equipe BR Político

A reforma da Previdência já está na reta final da tramitação no Senado. Nesta segunda-feira, 16, a Casa encerra a série de discussões da proposta no plenário. Com isso, o relator da proposta, Tasso Jereissati (PSDB-CE), já pode emitir um parecer sobre as emendas que foram apresentadas após o texto sair da CCJ. O primeiro turno de votação está mantido para o próximo dia 24 e o segundo turno, para 10 de outubro.

Senadores Simone Tebet (MDB-MS) e Tasso Jereissati (PSDB-CE) durante reunião da CCJ para análise da reforma da Previdência

Senadores Simone Tebet (MDB-MS) e Tasso Jereissati (PSDB-CE) durante reunião da CCJ para análise da reforma da Previdência. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Na quinta-feira, 19, a CCJ vai se reunir para ler o relatório de Jereissati sobre as emendas apresentadas. Até o momento, foram apresentadas 77 sugestões de alterações na proposta depois que o texto chegou ao plenário.

Só então, no dia 24, os senadores vão se reunir em uma sessão da CCJ pela manhã para votar o parecer do relator com a análise das emendas de plenário. À tarde, o plenário realiza a primeira votação da reforma. O texto deve ser aprovado com tranquilidade pelos senadores. De acordo com o Placar da Previdência do Estadão, 53 parlamentares já se declararam a favor da proposta, que para ser aprovada requer 49 votos em cada um dos turnos.