Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Reforma deve ficar 4 semanas na CCJ do Senado, avalia Tebet

Equipe BR Político

A reforma da Previdência deverá ser votada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado quatro semanas após o início da tramitação da proposta no colegiado, de acordo com a avaliação da presidente da CCJ, Simome Tebet (MDB-MS), ao Broadcast Político nesta terça-feira, 6. O governo espera concluir a votação da reforma na Câmara entre hoje e amanhã, e estima que o texto seja encaminhado aos senadores até o fim desta semana. O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, estimou ontem o período entre os dias 20 e 30 de setembro para a reforma estar concluída no Senado.

De acordo com o cronograma previsto por Tebet, o texto deverá chegar ao plenário na semana do dia 9 de agosto – se a proposta já estiver na Casa na semana que vem. Ela afirmou que a comissão precisa de no mínimo três semanas para votar a reforma, mas que, “provavelmente”, a votação será concluída após quatro semanas. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse a parlamentares que prevê votar a Previdência em 45 dias na Casa.

Tudo o que sabemos sobre:

Simone Tebetreforma da previdênciasenado