Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Regina Duarte deixa Secretaria de Cultura e vai para Cinemateca de SP

Cassia Miranda

Exclusivo para assinantes

O presidente Jair Bolsonaro acaba de anunciar no Twitter que a atriz Regina Duarte será transferida para a Cinemateca de São Paulo. Ela é a atual secretária Especial de Cultura. O comunicado foi feito em um vídeo bem humorado, publicado no Twitter, nesta quarta-feira, 20, em que a atriz pergunta a Bolsonaro se ela está sendo “fritada”.

A atriz Regina Duarte e o presidente Jair Bolsonaro

A atriz Regina Duarte e o presidente Jair Bolsonaro Foto: Reprodução/Twitter

Há algumas semanas, a atriz estava sendo colocada na corda bamba pelos bolsonaristas. O próprio presidente chegou a reclamar da ausência dela em Brasília. Durante parte da quarentena, a atriz despachou de casa, em São Paulo.

“Eu acabo de ganhar um presente que é o sonho de qualquer pessoa de comunicação, de audiovisual de cinema, de teatro. Um convite para fazer cinemateca, que é um braço da Cultura que funciona lá em São Paulo e é um museu de toda a filmografia brasileira. Ficar ali, secretariando o governo dentro da Cultura na Cinemateca. Pode ter um presente melhor do que esse? Obrigada, presidente”, disse a atriz.

“Regina Duarte relatou que sente falta de sua família, mas para que ela possa continuar contribuindo com o Governo e a Cultura Brasileira assumirá, em alguns dias, a Cinemateca em SP. Nos próximos dias, durante a transição, será mostrado o trabalho já realizado nos últimos 60 dias”, escreveu Bolsonaro na postagem.