Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Revisão do tratado de extradição entre Brasil e Argentina

Equipe BR Político

Os presidentes Jair Bolsonaro e Mauricio Macri vão formalizar, nesta quarta-feira, 16, a revisão do tratado de extradição entre Brasil e Argentina. De acordo com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, ideia da revisão é que o documento de extradição, em caso da prisão de uma pessoa no país vizinho, seja adiantado sem passar pelos canais diplomáticos para depois ser formalizado, informou o Broadcast Político.

“Às vezes você seguiu o canal diplomático, acontece o que aconteceu com o Battisti, prende o cara e…”, declarou Moro, fazendo um sinal de fuga com as mãos ao fazer referência à prisão do italiano Cesare Battisti, que fugiu do Brasil para a Bolívia, onde foi preso. “Esse tratado vai permitir uma comunicação mais rápida entre os dois países.”