Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Efeito Janot

Equipe BR Político

As recentes declarações do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot já causam efeitos no STF.  A Corte decidiu trocar a chefia da área de segurança e abriu um edital de R$ 664,8 mil para a compra de equipamentos de raio-X e detector de metais portáteis. Ambas as ações já estavam previstas antes das declarações de Janot virem à tona.

Seguranças do STF trabalhando no raio X e controle de entrada de pessoas

Seguranças do STF trabalhando no raio X e controle de entrada de pessoas. Foto: Dida Sampaio / Estadão

A revelação do ex-PGR entrou armado no STF e as frequentes manifestações contra o tribunal e seus ministros aceleraram as mudanças. A troca na chefia da segurança do tribunal – responsável por proteger tanto os ministros quanto a sede do STF e dos dois edifícios anexos – era esperada havia meses. A gestão do presidente do STF, ministro Dias Toffoli, escolheu o delegado Paulo Gustavo Maiurino, ex-secretário dos governos Geraldo Alckmin e Wilson Witzel, conforme antecipou a Coluna do Estadão.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo JanotSupremo Tribunal Federal