Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Maia quer ‘ser presidente pelo voto’

Equipe BR Político

“Não é questão de ser presidente. Quero ser presidente, um dia, pelo voto”, admitiu o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em entrevista ao programa Conversa com Bial, que foi ao ar na noite de quinta-feira, 19. Apesar de a articulação e a aprovação da reforma da Previdência na Câmara terem cacifado Maia para a disputa presidencial de 2022, ele já chegou a afirmar que seu perfil se encaixa mais no Legislativo.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em entrevista ao programa Conversa com Bial

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em entrevista ao programa Conversa com Bial. Foto: Reprodução/Twitter Rodrigo Maia

A pretensão de Maia foi escancarada depois de Pedro Bial lembrar que ele rejeitou pedidos de impeachment de Michel Temer após denúncias contra o ex-presidente. Caso Temer fosse deposto, o presidente da Câmara ia assumir a Presidência. “No momento que o Brasil vivia, saindo de um impeachment, recessão profunda, pobreza aumentando, desemprego, era uma decisão de se manter as instituições funcionando ou correr o risco de desorganizar tudo”, disse.

Sobre a possibilidade de concorrer em 2022, Maia afirmou que só pretende disputar a Presidência quando organizar as contas do Brasil. “Só vou disputar uma eleição majoritária no Brasil se entender que terei condições de mudar a minha cidade, o meu Estado e o meu País”. Ainda há um longo caminho até a próxima eleição presidencial, até lá, Maia pode realmente decidir não se candidatar. Ainda assim, ele será um ator importante na próxima disputa, dentro ou fora dela. Isso, é claro, se as ações vestindo o terno de líder do Centrão não o desgastarem por completo.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo Maiapresidenteeleição2022