Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ruralistas escapam à revolta de Guedes

Equipe BR Político

Paulo Guedes expressou seu inconformismo com o lobby dos servidores públicos que levou a alterações na reforma da Previdência, mas deixou passar sem críticas mudanças feitas pela bancada ruralista. Bruno Boghossian escreve sobre a contradição em sua coluna na Folha. Ele lembra que o projeto original do governo proibia o perdão de dívidas de produtores rurais com o INSS, estimada em R$ 17 bilhões, dispositivo que caiu após pressão dos ruralistas.

“A bancada do boi é a mais organizada do Congresso e costuma servir de tropa de choque para presidentes que atendem a seus desejos. Foi assim com Temer, que abriu os cofres do governo em troca de blindagem na crise da JBS. Bolsonaro e Guedes também parecem interessados em colher esse apoio político”, analisa o colunista.