Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Salim Mattar e Paulo Uebel pedem demissão do Ministério da Economia

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Dois secretários especiais do Ministério da Economia pediram demissão nesta terça-feira, 11. Salim Mattar, que cuidava da  Desestatização e Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital. A informação foi confirmada pelo próprio ministro da Economia, Paulo Guedes, após reunião com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Guedes admitiu que houve uma “debandada” de sua pasta, por causa de insatisfações com a velocidade tanto das privatizações quado da reforma administrativa. “O que o Salim me disse é que é muito difícil privatizar. Como a privatização não está andando, preferiu sair. O Uebel a mesma coisa. Ele reclama que a reforma administrativa está parada”, disse Guedes.  “É muito difícil privatizar. Estabilishment não deixa”, afirmou.