Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Salles diz que desmatamento na Amazônia ‘não condiz com realidade’

Equipe BR Político

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, disse nesta quarta, 31, que o aumento de 88% do desmatamento da Amazônia registrado em junho em relação ao mesmo período do ano passado não “condiz com a realidade”, informa o Broadcast Político. “O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) não disse que tinha esse aumento de 88%. Quem interpretou esses 88% foram as pessoas que coletaram e analisaram dados de maneira equivocada”, afirmou. Segundo ele, a interpretação dos dados foi feita por “jornalistas, técnicos e ditos especialistas que andaram falando dos 88%. Quem interpretou os dados não foi o Inpe, que faz um trabalho técnico”.

Para Salles, no entanto, esse porcentual de crescimento que compara uma área desmatada de 488 quilômetros quadrados em junho de 2018 com 920 quilômetros quadrados em junho de 2019, foi criado para produzir “um impacto midiático”. “Hoje nós verificamos na reunião que foi feita entre o Inpe e o Ibama de que há áreas que estão sendo creditadas como agora e que não são de agora, são do ano passado. Portanto se você pude deduzir essas áreas, certamente esses porcentuais interpretativos cairão”, afirmou Salles.

 

Tudo o que sabemos sobre:

InpeRicardo Salles