Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Salles pede desculpas por publicar vídeo de Drauzio

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, pediu nesta terça, 24, desculpas por ter publicado um vídeo descontextualizado de Drauzio Varella no qual o médico diz, em janeiro deste ano, não haver motivo de pânico por causa do coronavírus. O recuo de Salles surge após o Twitter apagar a postagem do ministro por considerá-la temerária num momento em que milhares de pessoas morrem no país e no mundo à causa da covid-19. O médico também reagira: “Na posição de ministro, esperamos que o senhor, no mínimo, tenha a responsabilidade de se atentar à data em que esse vídeo foi publicado (30.jan), uma vez que a situação em torno do coronavírus muda rapidamente”.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles Foto: Susana Vera/Reuters

Salles reitera que “quando resolvi mostrar todos os 3 vídeos do Drauzio Varela, desde o de 30/jan até o de 19/mar o objetivo jamais foi desinformar, mas apenas demonstrar que o tema é dinâmico, complexo e comporta discussões e opiniões distintas, inclusive sobre impacto econômico de certos exageros”.

Como você tem lido aqui no BRP, o presidente da República tem expressado maior preocupação com a economia do País, com vistas à própria reeleição, do que com medidas sanitárias diante da pandemia. O que Salles faz é endossar essa tese quando diz que “apenas” quis demonstrar “que o tema é dinâmico”. Um “apenas” que custou caro.