Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Salles vai voluntariamente à Câmara falar do desmatamento

Gustavo Zucchi

A conta dos números do desmatamento está chegando. E, com isso, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, decidiu ir voluntariamente à Comissão de Pecuária e Agricultura da Câmara dos Deputados tentar apagar o incêndio. Ele estará em sessão na quarta-feira, 27.

Só nas últimas semanas, deputados estiveram reunidos com parlamentares da Dinamarca, com o embaixador da Holanda no Brasil e nesta terça-feira houve reunião com o embaixador da Alemanha. Em comum nos três encontros o aviso de que o acordo entre Mercosul e União Europeia corre risco “caso o Brasil não faça a lição de casa na área ambiental”. Isto, é claro, deixou os deputados ligados à agropecuária brasileira de cabelo em pé. Para piorar, o boicote aos produtos brasileiros começa a ganhar ares oficiais. A cidade de Nova York aprovou neste mês uma lei proibindo empresas que atuam na região de comprar produtos brasileiros de áreas desmatadas. O governo brasileiro tem procurado mercado alternativos, como o Oriente Médio, para tentar minimizar possíveis boicotes dos EUA e da Europa aos produtos brasileiros.

Tudo o que sabemos sobre:

Ricardo Sallesdesmatamentocâmara