Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Sâmia: ‘Ministério da Saúde está há 40 dias sob intervenção militar’

Cassia Miranda

Exclusivo para assinantes

A deputada Sâmia Bonfim (Psol-SP) usou o Twitter na manhã desta quinta-feira, 25, para lembrar que o Ministério da Saúde está há 40 dias sem um ministro titular. O último a ocupar o cargo foi o oncologista Nelson Teich, que deixou o posto em 15 de maio, pouco menos de um mês depois de entrar para o governo.

Deputada Sâmia Bonfim

Deputada Sâmia Bonfim Foto: Reprodução/Twitter

No último dia 3 de junho, o general Eduardo Pazuello, que era secretário-executivo de Teich, foi oficializado como ministro interino da Saúde. Extraoficialmente, ele ocupa o cargo desde a saída do ex-ministro.

“O Ministério da Saúde está há 40 dias sob intervenção militar. Chamar Eduardo Pazuello, general da ativa, de “ministro interino” é deboche com os milhares de mortos pela pandemia. Militares são formados para a guerra. E o inimigo para Bolsonaro não é o vírus. É o povo brasileiro”, escreveu Sâmia na mensagem.

Ontem, o Brasil atingiu a marca de 53.830 vítimas fatais por coronavírus. O Ministério da Saúde registrou 1.185 mortes devido à covid-19 nas últimas 24h. Foram também registrados 42.725 novos casos, levando o total de doentes para 1.188.631.

Tudo o que sabemos sobre:

Sâmia BonfimMinistério da Saúde