Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Santa Cruz pede que STF interpele Bolsonaro

Equipe BR Político

O presidente da OAB, Felipe de Santa Cruz Oliveira, acionou o STF nesta quarta, 31, para que a Corte interpele o presidente Jair Bolsonaro sobre o que sabe sobre a morte do desaparecido político Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira, pai de Santa Cruz e integrante do grupo Ação Popular (AP). Segundo Bolsonaro, o desaparecido político foi vítima de justiçamento interno do coletivo, e não morto enquanto estava preso sob tutela do Estado, conforme documentos oficiais. “O pedido de explicação é medida de interpelação judicial prevista no art. 144 do Código Penal que autoriza o ofendido a pedir explicações a respeito de manifestações que possam configurar qualquer um dos crimes contra a honra”, justifica o presidente da OAB.

Na peça, ele pede que Bolsonaro explique: se efetivamente tem conhecimento das circunstâncias, dos locais, dos fatos e dos nomes das pessoas que causaram o desaparecimento forçado e assassinato do pai; em caso positivo, quais informações detém, como as obteve e como as comprova; se sabe e pode nominar os autores do crime e onde está o corpo do pai do presidente da OAB; ainda, em caso afirmativo, a razão por não ter denunciado ou mandado apurar a conduta criminosa revelada; e se realmente afirmou a veículos de imprensa que Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira teria sido assassinado não por militares, mas por seus companheiros da Ação Popular.