Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

São Paulo amplia horário de bares, mas pede dia dos pais sem reuniões

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Em seu plano de reabertura, o governo de São Paulo avisou nesta quarta-feira, 5, que ampliará a permissão de horário de funcionamento de bares e restaurantes. Antes com restrição após as 17h, agora os estabelecimentos poderão funcionar até as 22h na capital do Estado. Por outro lado, o coordenador executivo do Centro de Contingência, João Gabardo, pediu que as famílias não se reúnam para comemorar o dia dos pais.

“Não é proibido, não vai ter decreto, mas é uma questão de consciência das famílias. Expor pais e avós a um aumento de contato com outras pessoas aumenta a possibilidade de aquisição da doença. Cada família deve avaliar o risco”, disse o coordenador. Isso vale para qualquer uma das atividades e qualquer comemoração, como aniversário, Dia dos Pais, dos avós.”

Já o governador João Doria pediu que as pessoas façam compras online, e não saiam atrás de presentes para a data comemorativa.