Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

São Paulo já ultrapassa meio milhão de casos de coronavírus

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O Estado de São Paulo superou nesta quarta-feira, 29, a marca de 500 mil pessoas contaminadas pela covid-19. São 514.197 confirmações da doença, que já provocou 22.389 mortes no Estado. O secretário executivo do Centro de Contingência do Coronavírus, João Gabbardo, relacionou o número ao aumento de testes realizados entre abril e julho.

Foto: Alex Silva/Estadão

O centro havia divulgado, há duas semanas, uma projeção de que o total de casos chegaria a até 600 mil no Estado até o fim deste mês. Segundo Gabbardo, desde abril houve aumento de 500% no número de testes com média de 28.510 por dia. O secretário destacou que o número de mortes e de internações não acompanha essa aceleração e defendeu o aumento de testes para evitar aumento de internações e mortes. “Se os prefeitos acharem que é melhor não testar para não aumentar os indicadores, o prefeito vai ser surpreendido não com o aumento do número de casos, mas com o aumento do número de internações e óbitos”, disse em coletiva do governo.

Regressão

O secretário de Desenvolvimento Regional de São Paulo, Marco Vinholi, afirmou que fará a recomendação para que três municípios do Vale do Ribeira — Registro, Pariquera-Açu e Cajati — voltem à fase 1, vermelha, do plano São Paulo, com mais restrições. Hoje a região se encontra na fase 3, amarela. Segundo o secretário, os municípios ultrapassaram tanto o critério de número de novas internações quanto por óbitos nos últimos dias. Os três municípios representam 58% dos casos e 41% dos óbitos da região, que atingiu o índice de 89% de ocupação dos leitos de UTI.

Tudo o que sabemos sobre:

São Paulocoronavírus