Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Se texto não fosse entregue, PEC não andaria na CCJ’

Equipe BR Político

O governo cumpriu o prazo prometido para a entrega do projeto de lei que trata da reestruturação do sistema de proteção social das Forças Armadas, mas, segundo o líder da oposição na Câmara, deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), o cumprimento só ocorreu porque a oposição ameaçou barrar a PEC geral da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça da Casa.

“Se não houvesse uma entrega hoje, a proposta para a Previdência geral não andaria na CCJ”, disse. O parlamentar destacou ainda a reunião que a comissão realizará na semana que vem com a presença do ministro da Economia, Paulo Guedes, para que ele explique os termos da reforma da Previdência.

Tudo o que sabemos sobre:

Alessandro Molonprevidência