Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Segovia dos conflitos

Alexandra Martins

O ex-diretor-geral da Polícia Federal Fernando Segovia não para de produzir fatos novos. O mais recente, adiantado pelo Estadão, diz respeito à sua nomeação como adido na Itália.

Uma apuração da Procuradoria da República no Distrito Federal se baseia em regra da PF, que prevê uma quarentena de três anos para os delegados da corporação ocuparem a adidância policial nas Embaixadas. Segovia foi adido na África do Sul até 2017.

Tudo o que sabemos sobre:

Fernando Segovia