Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Selma Arruda confirma que deixará o PSL

Equipe BR Político

A senadora Selma Arruda está de saída do PSL. Em entrevista ao Estadão, ela disse que foi pressionada por parlamentares da sigla do presidente Jair Bolsonaro para retirar sua assinatura do pedido de abertura da CPI do Lava Toga e que por isso na próxima quarta-feira estará se filiando ao Podemos. Ela confirmou que Flávio Bolsonaro foi um dos congressistas que a pressionaram a retirar a assinatura, mas disse também que “não foi só ele”.

“O PSL tem tido alguns posicionamentos que são contrários aos meus princípios. Por exemplo. A reforma da previdência, na minha opinião, é a coisa mais cruel dos últimos tempos”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

Selma ArrudaPSLPodemosFlávio Bolsonaro