Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Sem acordo sobre segurança pública na reforma

Equipe BR Político

O PSL não conseguiu fechar um acordo com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e com o relator da reforma da Previdência na Comissão Especial, Samuel Moreira, para abrandar as regras para funcionários da área de segurança pública no relatório de Moreira. Sem especificar se a sigla irá apresentar ou não um destaque para tentar votar mudanças para policiais legislativos da Câmara e Senado, Polícia Federal, Rodoviária Federal e Ferroviária Federal, o líder do governo, Major Vítor Hugo, disse apenas que as reuniões irão se estender pela madrugada e pela manhã.

“A reunião foi muito boa conseguimos perceber abertura para o diálogo. Os deputados do PSL ligados à segurança pública apresentaram suas demandas”, disse. “Ainda estamos formulando o acordo, a intenção não é embaralhar todo processo de negociação”, afirmou ao Broadcast Político.