Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Senadores defendem PEC da 2ª instância da Câmara

Equipe BR Político

Em meio à queda de braço para ver qual dos inúmeros projetos sobre prisão após segunda instância que tramitam no Senado irá prosperar, senadores defendem que a PEC da Câmara dos Deputados seja priorizada. O próprio líder do governo no Congresso, Eduardo Gomes (MDB-TO), disse para a Agência Senado que uma alteração na Constituição daria “mais garantias” jurídicas para que a norma tenha validade. Boa parte dos senadores não quer que a mudança no Código de Processo Penal, em discussão na CCJ da Casa, seja votada. O próprio presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), defende que um texto em consenso com a Câmara seja construído. Rodrigo Pacheco (DEM-MG) foi escalado para conversar com o ministro Sérgio Moro e construir um texto mais afinado com as expectativas dos parlamentares.

Sessão conjunta do Congresso Nacional Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados