Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Senadores temem retaliação da Câmara

Gustavo Zucchi

Após o Senado votar mudanças no Fundo Eleitoral, senadores já preveem um embate com os deputados. A Casa decidiu rejeitar todo o texto que veio da Câmara e votar o limite de R$ 1,7 bilhão para o fundo eleitoral no lugar do porcentual vinculado a emendas de bancada, como era proposto no texto original.

O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), por exemplo, anunciou voto contrário por causa do “receio” de nova mudança quando o texto voltar para a Câmara. Até mesmo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), entusiasta da solução do Senado, fez um apelo para que os deputados mantenham a decisão do Senado.

O texto original da Câmara tem como autores o deputado Domingos Neto (PSD-CE) e os líderes Baleia Rossi (MDB-SP) e Arthur Lira (PP-AL), dois dos principais expoentes do Centrão. O BRP tentou questionar Lira sobre a decisão do Senado. O deputado não quis comentar, mas demonstrou irritação com o andar da carruagem.

Tudo o que sabemos sobre:

Fundo Eleitoralsenado