Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Serra contesta ‘copo meio cheio’ do Ministério da Economia

Equipe BR Político

O senador José Serra (PSDB-SP) contestou uma das explicações do Ministério da Economia ao comentar o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de 2019. O tucano não viu motivos para enxergar o “copo meio cheio” no PIB privado, como sinalizou a equipe do ministro Paulo Guedes. “Vejamos: 12 milhões de desempregados, 25 milhões de subocupados, 66% de endividados, 25% da capacidade desocupada, menor patamar de investimentos. Boa parte do Brasil está desocupada. Nada é mais improdutivo!”, disse.

Senador José Serra (PSDB-SP)

Senador José Serra (PSDB-SP) Foto: Roque de Sá/Agência Senado

Em nota, o Ministério da Economia disse que indicadores do mercado de trabalho e de crédito sinalizam melhor resultado desde 2013. “Os resultados melhores do setor privado são reflexos da política econômica que foca no aumento da produtividade, corrigindo a má alocação de recursos e fortalecendo a consolidação fiscal”, afirmou a pasta.

“Sim, governos podem realizar gastos não prioritários, mas ainda assim seriam mais produtivos do que a inação. Bons gestores usam bem a máquina e empreendem bons gastos”, completou o senador.