Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Pitacos de Bannon no discurso de Bolsonaro na ONU?

Equipe BR Político

Em um jantar fora da agenda oficial, o chanceler Ernesto Araújo se reuniu com o ex-estrategista de Donald Trump, cujo status atual é de desafeto, Steve Bannon. No encontro, entre outras coisas, eles trataram do discurso do presidente Jair Bolsonaro no próximo dia 24, em Nova York, na abertura da Assembleia-Geral da ONU.

Steve Bannon, ex-estrategista de campanha de Donald Trump

Steve Bannon, ex-estrategista de campanha de Donald Trump. Foto: Carolyn Kaster/AP

A reunião ocorreu na noite de quarta-feira, 11, na residência da embaixada brasileira em Washington, onde Araújo está hospedado. O atual encarregado de Negócios da representação do País na cidade, o diplomata Nestor Forster, também esteve presente no encontro, de acordo com o Estadão.

A expectativa é de que o discurso na Assembleia-Geral seja pautado pela defesa ao respeito à soberania da Amazônia. Recorrer aos pitacos de um nacionalista norte-americano, neste caso, dá um caráter bastante curioso ao texto. O Palácio do Planalto teme protestos no momento do discurso de Bolsonaro e assessores têm orientado o presidente a moderar suas falas para evitar novos problemas diplomáticos. Por isso, discutir a fala do presidente em um evento tão grande como o do dia 24 com uma figura tão controversa e radical como Bannon, não deve ajuda em nada na melhor a da imagem do Brasil.