Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

STF: crise institucional ou perseguição individual?

Equipe BR Político

Na esteira das recentes polêmicas ligadas ao STF, o cientista político Marcus Melo segue apresentando dados sobre a conturbada relação entre opinião pública e as Supremas Cortes no mundo. O professor da UFPE argumenta nesta segunda, 22, na Folha, com base no estudo da também cientista política Gretchen Helmke, que essa correlação existe. Entretanto, o que está sob ataque de parte da população brasileira não é o Tribunal como instituição, e sim a atuação individual de alguns ministros do Supremo. O apoio da opinião pública ao STF, diz, é prejudicado pela rejeição individual a alguns ministros por parte da população. “A revogação da decisão de Alexandre de Moraes restabeleceu o frágil equilíbrio interno, mas não resolve o problema institucional”, escreve.

Melo cita ainda o caso da Argentina, onde a maioria peronista pediu o impeachment dos juízes da alta corte durante a gestão de Eduardo Duhalde no caso do “corralito” (mega-confisco bancário de todos os depósitos do país, tanto em pesos quanto em moeda estrangeira, decretado em 2001).

Tudo o que sabemos sobre:

STFministrosAlexandre de Moraesinquérito