Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

STF rejeita inquérito contra Moro e Bolsonaro

Equipe BR Político

O ministro do STF Ricardo Lewandowski arquivou, na noite de quarta-feira, 18, pedido de abertura de investigação contra o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. O inquérito dizia respeito ao suposto compartilhamento de informações feito pelo ex-juiz no âmbito das investigação sobre candidaturas laranjas do PSL em Minas Gerais, segundo a Folha.

O caso veio à tona após Bolsonaro ter declarado, em junho, que teve acesso ao inquérito, que envolve Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo de seu governo. Com a fala do presidente, parlamentares da oposição entraram com um pedido no STF para que fosse investigado se houve vazamento.

No entendimento do ministro, a ação “não vem acompanhada de indícios mínimos da materialidade dos ilícitos criminais e administrativos imputados aos agentes políticos”. À época, Bolsonaro, de Osaka, no Japão, comentou o caso. “Ele (Moro) mandou a cópia do que foi investigado pela Polícia Federal pra mim. Mandei um assessor meu ler porque eu não tive tempo de ler”.

Ainda assim, para o ministro Lewandowski, “não há elementos probatórios suficientes para justificar a deflagração da persecução criminal”.