Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

STF vai barrar medida de Bolsonaro contra isolamento

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Ministros do Supremo Tribunal Federal ouvidos pelo Estadão afirmaram que vão barrar na Corte a ideia defendida pelo presidente Jair Bolsonaro de determinar a abertura comércio por decreto em meio à pandemia. Um deles disse que “nenhum tribunal vai subscrever nada que viole as prescrições da área de saúde”. Como você tem acompanhado aqui no BRP, Bolsonaro disse ontem que pensa em publicar um decreto para liberar todas as atividades comerciais que levem o leite, arroz e feijão na mesa do brasileiro. Questionado hoje sobre a possibilidade, respondeu que “se o Brasil continuar tendo seus empregos destruídos, vocês vão ver a desgraça que vai se abater sobre o País”.

Bolsonaro disse que pensa em publicar decreto para liberar atividades comerciais

Bolsonaro disse que pensa em publicar decreto para liberar atividades comerciais Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Como escrevemos aqui no relatório semanal Fique de Olho, cada vez mais desgastado, Bolsonaro decidiu abraçar o discurso de defesa da economia para tentar obter apoio de setores do empresariado e do mercado financeiro, além de seu público nas redes sociais. A estratégia, no entanto, tem feito com que ele aumente seu isolamento em relação a outros líderes mundiais, a governadores e prefeitos, ao Congresso, à Justiça, que tem derrubado medidas suas em série, e a setores mais amplos da sociedade, que têm intensificado os protestos na forma de panelaços diários.