Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Tabata quer processar Weintraub

Equipe BR Político

A deputada Tabata Amaral, que já havia antagonizado com o ex-ministro da Educação, Ricardo Vélez, não gostou nem um pouco da postura do atual titular da pasta, Abraham Weintraub, ao responder seus questionamentos. O motivo do discussão foi novamente supostos convites enviados pelo MEC para reunião com a deputada, que já haviam sido motivo de conflito na semana passada. Para provar seu ponto de vista, Weintraub distribuiu cópias dos convites, que continham o número pessoa de Tabata e da equipe dela.

“Cobrei planos, metas e ações do MEC. O ministro respondeu divulgando meu número de telefone pessoal e tentando manchar a minha imagem e a da minha equipe. Usou comigo dos mesmos mecanismos que emprega na análise dos problemas da educação: polemiza, manipula informações, e mente. Isso não é atitude de ministro”, disse a deputada, prometendo processar o ministro da Educação pelo ato.