Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Taxa de ocupação de UTIs covid-19 chega a 85% na região metropolitana de SP

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A região metropolitana de São Paulo está com 85% das UTIs reservadas a pacientes com covid-19 ocupadas, de acordo com o secretário de Saúde do Estado, José Henrique Germann. A informação foi divulgada durante coletiva de imprensa, nesta quarta-feira, 29.

Governador João Doria (PSDB) anunciou a compra de 3 mil respiradores que serão usados o tratamento de pacientes com sintomas graves de covid-19

Governador João Doria (PSDB) anunciou a compra de 3 mil respiradores que serão usados o tratamento de pacientes com sintomas graves de covid-19 Foto: Tiago Queiroz/Estadão

Na tentativa de reforçar a estrutura do sistema de saúde em meio à pandemia, o governador João Doria (PSDB) anunciou a compra de 3 mil respiradores que serão usados o tratamento de pacientes com sintomas graves de covid-19. A previsão é que os primeiros 500 respiradores chegam a São Paulo no fim desta semana.

A aquisição foi feita em caráter emergencial e permitirá a ampliação de aproximadamente 50% do número de ventiladores mecânicos já existentes no SUS de São Paulo. Atualmente, o Estado tem disponíveis 6,3 mil equipamentos do tipo, conforme registros no Cadastro Nacional dos Estabelecimentos de Saúde.

Os novos respiradores estão em fase de importação da China, com investimento de US$ 100 milhões. Até o fim de maio, a previsão é de que 500 unidades sejam entregues semanalmente para que hospitais de todas as regiões do Estado ganhem reforço.

“A palavra tempo é fundamental. De nada adianta respiradores entregues a São Paulo em julho, agosto ou setembro, provavelmente quando a epidemia já recua. Tempo significa salvar vidas, e foi esta a lógica que a Secretaria da Saúde usou na aquisição”, disse o vice-governador e Secretário de Governo, Rodrigo Garcia. “Nós precisamos destes respiradores, há a clara necessidade de aplacar o que acontece em um sistema já pressionado”, acrescentou o Coordenador do Centro de Contingência do coronavírus, David Uip.

Tudo o que sabemos sobre:

UTISão Paulocoronavírushospitais