Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

TCU quer lista de quem recebeu auxílio emergencial

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

O plenário do Tribunal de Contas da União ampliou as determinações da cautelar do ministro Bruno Dantas sobre a concessão do benefício emergencial para militares. A Corte acatou proposta da vice-presidente Ana Arraes e ordenou que o Ministério da Cidadania não apenas cancelem os cadastros e devolva os valores já debitados, como divulgue no Portal da Transparência a lista de quem recebeu o benefício. A pasta também terá de averiguar se outros membros do funcionalismo público se cadastraram para tentar obter os R$ 600. Segundo o Ministério da Defesa, 73,2 mil militares receberam indevidamente o benefício, destinado à população de maior vulnerabilidade durante a pandemia de coronavírus.

Tudo o que sabemos sobre:

TCUcoronavírus