Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Tebet corre com pacote anticrime

Gustavo Zucchi

Antes mesmo de terminar a tramitação da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça no Senado, a senadora Simone Tebet, presidente da CCJ, já faz as contas para a aprovação do projeto mais abrangente do pacote anticrime de Sérgio Moro, o PL 1.864/2019.  Ao BRPolítico, ela afirmou que acredita que em 30 dias após a primeira votação da reforma a Casa consiga finalizar na CCJ o debate. “Estamos no período de vistas, tem que dar uma adequada no projeto. Tem alguns itens que causam dúvidas, a própria sociedade tem dúvidas em relação a um ou outro ponto. E esses aperfeiçoamentos levam tempo para serem feitos”, afirmou Tebet. “Acredito que 30 dias é um prazo razoável”, disse.

O PL 1.864/2019 tem relatoria do senador Marcos do Val (Cidadania-ES), que leu seu relatório na CCJ no início de julho, antes do recesso parlamentar. Apesar do parecer da CCJ ter caráter terminativo, a senadora acredita que por causa do tema haverá recurso para remeter o texto para plenário. Ai ficaria nas mãos do presidente Davi Alcolumbre pautar o tema.

Tudo o que sabemos sobre:

Simone Tebetpacote anticrime