Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Teixeira: ‘O homem da arminha não consegue fazer frente às organizações criminosas’

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Depois dos violentos assaltos a bancos em Criciúma (SC) e Cametá (PA), nos dois últimos dias, integrantes da oposição criticaram o desempenho do governo no combate ao crime organizado, justamente uma das principais bandeiras de campanha de Jair Bolsonaro.

Moradores foram feitos reféns em praça no centro de Cametá, no Pará Foto: Reprodução/Redes Sociais

“Hoje foi em Cametá. Organização criminosa armada tomou conta da cidade. O homem da arminha não consegue fazer frente às organizações criminosas que enfrentam o estado. Vendeu ilusão para o povo brasileiro”, criticou o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP).

Tudo o que sabemos sobre:

CametáCriciúmaPaulo Teixeira