Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Telefone de conselheiro dispara: ‘Aqui é o hacker’

Equipe BR Político

O número de telefone do conselheiro Marcelo Weitzel Rabello de Souza, do Conselho Nacional do Ministério Público, disparou mensagens suspeitas para seus contatos e grupos na noite de terça, 11, informa o Broadcast Político. Um dos torpedos dizia que o caso revelado no domingo pelo site The Intercept Brasil, envolvendo o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador da República Deltan Dallagnol, era apenas “uma amostra do que vocês vão ver na semana que vem”. Após questionarem o colega, os contatos receberam outro torpedo dizendo: “Aqui é o hacker”. Os conselheiros então ligaram para Marcelo, que argumentou que não estaria usando o aparelho no momento dos envios das mensagens.

Na segunda-feira, o corregedor nacional do Ministério Público, Orlando Rochadel, instaurou reclamação disciplinar para apurar as trocas de mensagens envolvendo Dallagnol a partir de pedidos dos conselheiros Luiz Fernando Bandeira, Gustavo Rocha, Erick Venâncio e Leonardo Accioly.

 

Tudo o que sabemos sobre:

hackerLava Jato